<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=378294832364035&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">

Blog

Como aumentar o nível de Inteligência de Negócios na empresa

Por Brunno Barbosa em 29 de Setembro de 2017

PC_blog_Como aumentar o nivel de Inteligencia_280917.jpg

Algo que precisa ser dito sobre Inteligência de Negócios é que ela já é praticada em boa parte das empresas. Todo processo e operação executados acaba gerando uma Inteligência de Negócios. A diferença está justamente na forma com que sua gestão é realizada e se essa inteligência está, de fato, sendo utilizada pela gestão da empresa.

Ao trabalhar de forma adequada os fluxos de informações de sua empresa, é possível otimizar seus processos. Confira, a seguir, como aumentar o nível de Inteligência de Negócios na empresa e gerar uma operação inteligente no atacado distribuidor!

A importância da Inteligência de Negócios para alcançar resultados

A Inteligência de Negócios (IN) é composta por ferramentas, infraestrutura, dados e profissionais envolvidos em seus processos. Isso significa que, independentemente de haver um trabalho no desenvolvimento dessa Inteligência, ela é orgânica e ocorrerá naturalmente nagestão do atacado distribuidor.

Com isso em mente, é necessário definir em qual nível a Inteligência de Negócios está sendo utilizada. Analise os elementos que compõem e geram Inteligência de Negócios em sua organização. A partir de uma definição e até mesmo de um monitoramento bem realizados, podem-se promover ações internas de otimização para potencializar uma gestão inteligente no atacado distribuidor, de acordo com os recursos e o cenário que a empresa está vivenciando.

Otimizar o nível da Inteligência de Negócios é importante para o bom desempenho de todos os processos e para promover a eficiência operacional do atacado distribuidor. Negligenciar esse critério pode trazer problemas de eficiência nas operações. Além disso, faz com que a empresa perca força competitiva no mercado e comece a sofrer com problemas e gargalos em seus processos internos.

A Inteligência de Negócios aplicada para a operação inteligente no atacado distribuidor

Como vimos, a maioria das empresas já têm a Inteligência de Negócios presente em seu ambiente organizacional. Planilhas e relatórios de marketing e vendas, por exemplo, fazem parte de um ambiente com BI.

No entanto, ainda representam um nível mais baixo e básico de Inteligência de Negócios. São categorizados como um nível baixo pois, mesmo que tenham dados úteis, atualizados e relevantes, tratam-se de recursos manuais. Sendo manuais, eles estão mais suscetíveis a falhas de sua equipe e não promovem eficiência operacional, uma das principais qualidades de uma Inteligência de Negócios de alto nível.

Para, de fato, aumentar o nível da IN na empresa, é preciso tornar dados e recursos em ativos que melhorem verdadeiramente processos.

Um caminho seguido pelo mercado é a automatização de tarefas manuais. Dessa forma, funções como análise e melhoria de processos podem ser realizadas com um maior foco. Aliada à essa automatização, ferramentas visuais tornam análises do dia a dia muito mais claras e assertivas para a evolução organizacional.

Uma ferramenta de Business Intelligence (BI) e sistemas visuais apresentam o quadro geral de uma operação e possíveis lacunas e oportunidades para a empresa. Essas, para a gestão inteligente no atacado distribuidor, são soluções essenciais e que rapidamente trarão resultados.

Considerações finais

A tomada de decisões com base em informações qualificadas aumenta o nível de Inteligência de Negócios e ajuda a promover uma operação inteligente no atacado distribuidor. Reuniões corporativas ou entre departamentos, comunicados internos ou mesmo externos junto a parceiros ou clientes, por exemplo, tornam-se mais eficientes quando se direcionam os recursos de BI de forma estratégica.

Investir em aumentar o nível de Inteligência de Negócios torna o ambiente de trabalho mais dinâmico. Todos os departamentos e gestores são beneficiados pelo alto nível de aplicação de Inteligência de Negócios.

Caminhos como automatização, sistemas de BI e ferramentas que prevejam padrões nas operações são recursos úteis, que aumentam o nível de BI. Adotar esses sistemas pode ser um ponto inicial crucial para garantir uma operação ainda mais saudável e sustentável e para gerar uma estratégia bem-sucedida de gestão inteligente no atacado distribuidor.

E então, pronto para aumentar o nível de IN em sua empresa? Quer saber mais sobre soluções que podem auxiliá-lo na gestão inteligente do seu atacado distribuidor? Deixe sua mensagem ou entre em contato conosco!

Categorias: Inteligência de Negócio

Brunno Barbosa - PC Sistemas
Postado por Brunno Barbosa

Gestor de Oferta - Inteligência de Negócio

New Call-to-action
New Call-to-action